Dúvidas Frequentes (FAQ)

O que é a juçara?

A juçara é uma fruta proveniente da palmeira juçara, diferentemente do açaí, que provém do açaizeiro. Podemos denominar o nosso produto como “açaí”, porém denominando de “açaí da juçara”. 

Enquanto o açaizeiro tem potencial de crescimento na Região Norte (Floresta Amazônica), a palmeira da juçara abrange os estados da Bahia até o Rio Grande do Sul – Região proveniente da Mata Atlântica. 

Quais são os possíveis produtos que podem ser produzidos a partir da palmeira juçara? 

A partir do fruto da juçara é possível se produzir a polpa, onde a mesma é utilizada na preparação de sucos, sorvetes, cremes, geleias, etc.

Por que está ameaçada de extinção? 

O palmito produzido pela árvore da juçara é considerado de melhor qualidade e apresenta maior rendimento do que os coletados em outras espécies, como o açaizeiro. No entanto, a árvore não rebrota após o corte do palmito, ou seja, a extração provoca a morte da planta. 

Já o açaizeiro forma galhos que são remanejados para a extração de palmito ao longo da vida útil da planta, não causando a morte. 

Por que a produção de polpa de açaí da palmeira juçara é sustentável?

A colheita do fruto não provoca a morte da palmeira e pode ser feita anualmente na mesma palmeira, rendendo sementes viáveis para replantio.

Qual (is) é (são) a (s) diferença (as) nutricional (is) entre a polpa de açaí e a polpa de açaí da juçara (por que é mais saudável?)? 

Ambas possuem características nutricionais similares no quesito carboidratos, proteínas e gorduras, porém o açaí da juçara é mais rico em minerais, especialmente ferro e potássio, além de antioxidantes.

O que são antioxidantes?

São compostos que tem o poder de desempenhar um papel importante no mecanismo de defesa contra condições adversas, tornando-se importantes na prevenção de doenças crônicas. Também possuem ação antienvelhecimento.  

Quais são os principais antioxidantes presentes no açaí da juçara e suas funções?

Antocianinas, responsáveis pela cor roxa natural do açaí da juçara.

O que é um produto orgânico? O que são práticas orgânicas? 

Um produto orgânico é todo aquele que é elaborado/fabricado conforme as instruções determinadas pelo Ministério da Agricultura (MAPA), a partir da utilização de produtos e práticas de extrativismo e processo que sejam permitidas.

Por que utiliza-se inhame?

O inhame, além de ser fonte de nutrientes de lenta absorção, é utilizado para balancear a formulação do juçaí, aumentando a sua cremosidade. 

Qual é a condição ideal armazenamento? 

Recomenda-se o armazenamento com mínimo de -18°C. Nas gôndolas é permitida temperatura mínima de -12°C. A temperatura é importante para evitar o descongelamento e perda de qualidade do produto, inclusive em sabor e cremosidade.

O Juçaí possui glúten e/ou lactose? 

Não. O Juçaí não possui em sua formulação qualquer ingrediente que seja fonte de lactose e/ou formação de glúten.

Qual é o diferencial do açúcar orgânico?

O açúcar orgânico não contém aditivos não-permitidos e não passam por processos que sejam proibidos pelas práticas orgânicas.

Qual tipo de guaraná é utilizado no juçaí?

O guaraná utilizado provém de fontes naturais (aroma e extrato) e o seu composto é preparado na própria fábrica, ou seja, o juçaí não contém como ingrediente o xarope de guaraná já industrializado. 

Qual a função do guaraná?

Além de ser uma fonte natural de energia, permite a saborização e um toque de dulçor. 

O que é o cambuci?

O cambuci é uma fruta cítrica também nativa da Mata Atlântica, rica em vitamina C. A arvore já esteve ameaçada de extinção por conta da qualidade da madeira.